Entrevistas de JoaQuim Gouveia

23
Out 13

 

“SOU MUITO FORTE NAS MINHAS CONVICÇÕES”

 

Toy define-se como um cantautor que retira prazer das coisas boas da vida e aprende com as menos felizes. O petrolino Zé Daniel foi o seu primeiro amigo, nos tempo de infância onde, ainda, frequentou a escola particular da D. Ana Biscaia. O seu primeiro amor despontou-lhe, pela vicissitude, o seu lado mais emotivo. Define-se como um homem pragmático embora sonhador. Pensa que foi o Homem, quem criou Deus, porque a Bíblia foi escrita pelos Homens. Álvaro Cunhal é o seu ídolo

 

Como foi a sua infância?

O meu primeiro amigo foi o Zé Daniel, de Vila Nova de Poiares, a terra dos antigos petrolinos, as pessoas que, naquela altura, vendiam petróleo, azeite, vinagre, bacalhau e outros. O Zé Daniel morava com os pais em Setúbal e tinham o negócio ao pé da minha casa. Tive outros amigos que se tornaram figuras publicas como o Luis Sobrinho e o Fernando Cruz, jogadores de futebol. Andei na escola da D. Ana Biscaia. No geral foi uma infância feliz com momentos muito agradáveis

 

O primeiro amor…

Foi a Paula Leiria, na Sociedade Capricho Setubalense. Foi a primeira pessoa que me despertou para um sentimento diferente. Infelizmente foi também o meu primeiro desgosto pelo facto de ter falecido, mas foi ao mesmo tempo quem despontou o meu lado mais emotivo

 

E o primeiro emprego…

Nas férias de verão, na Fundisado, onde o meu irmão era cooperador/coordenador da cooperativa. Estive como paquete no escritório onde, curiosamente, fui chefiado pela minha atual contabilista

Como é a sua casa? Como a define?

É o espaço onde gosto de receber os meus amigos, que considero agradável, ou que o tornei agradável e moldado à minha forma de ser e estar para que os amigos se sintam bem mesmo quando eu estou ausente

 

O que pensa do mundo?

O mundo planeta Terra é um espaço insignificante para tanto pensamento insignificante na insignificância de cada particula a quem chamam de ser vivo. O mundo universo é demasiado inalcansável para poder definir mas, é por senti-lo que tento valorizar as insignificâncias do primeiro mundo de que falei

 

Sente-se realizado humana e profissionalmente?

Sinto. Sou muito forte nas minhas convicções e desafio qualquer pessoa que possa ter ouvido da minha boca a palavra “talvez”, às perguntas concretas. Sou pragmático embora sonhador

 

Como se resolve a crise?

Não varrendo o lixo para debaixo do tapete. A maioria dos jornais diários ganham tanto dinheiro com publicidade à prostituição não fiscalizada e que não paga impostos. Temos que oficializar os negócios existentes como a prostituição, a droga e outros para tributá-los de igual forma a todas as profissões.

 

Deus criou o Homem, ou foi o Homem quem criou Deus?

Foi o Homem que criou Deus. Porque o único livro que fala de Deus, a sério foi escrito por Homens

 

Se pudesse voltar atrás o que mudaria na sua vida?

Não. As coisas boas deram prazer e fizeram-me feliz. As más serviram para aprender.

 

Que faz no presente e que projectos para o futuro?

Sou cantautor, produtor de música e escanção amador. O meu futuro é sempre próximo e quero manter estas actividades. Vou gravar o meu novo DVD no forum Luísa Tod,i em Fevereiro do próximo ano

 

CAIXA DAS PALAVRAS

 

Um destino

Cuba

 

Um livro

O primo Basílio (Eça de Queirós)

 

Uma música

Honesty (Billy Joel)

 

Um ídolo

Álvaro Cunhal

 

Um prato

Cabidela

 

Um conceito

As três melhores coisas da vida são duas: sexo 

publicado por Joaquim Gouveia às 08:58

Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

14
15
19

20
21
26

27
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO