Entrevistas de JoaQuim Gouveia

08
Nov 13

 

“VIVEMOS NUM MUNDO DESIGUAL POR CULPA DOS MAIS RICOS”

 

O Dr. Leonídio Fuzeta é um conceituado farmacêutico, antigo professor de matemática e ciências. Nasceu em Setúbal e cresceu e brincou nas ruas do bairro Salgado. Foi apontador numa empresa de construção civil, aos 17 anos, nas férias escolares. Pensa que o mundo é muito desigual por culpa dos mais ricos e a tragédia de Lampedusa é cena horrível que deve merecer maior atenção. Para si a crise resolve-se renegociando a dívida mas nunca a 3 ou 4 anos. Não esquece o memorável J.J. e as suas fintas e adora coelho à caçador

 

 

Como foi a sua infância?

Foi passada no Bairro Salgado e muito na rua, com muita brincadeira e muitos amigos. Foi uma infância muito feliz. Tenho um irmão mais velho

 

O primeiro amor…

Tinha 18 anos e durou 3 anos. Era uma miúda muito bonita que conheci no antigo Café Central

 

E o primeiro emprego…

Apontador numa empresa de construção cívil, aos 17 anos, nas férias de Verão. Devia  ganhar à volta de 3 contos por mês (15 euros)

Como é a sua casa? Como a define?

É uma casa muito grande na estrada da Baixa de Palmela. É confortável, agradável, tranquila e com uma vista previlegiada para a serra e para os dois castelos. Adoro estar na minha casa

 

O que pensa do mundo?

No mundo atual há uma diferença cada vez maior entre os muitos ricos e os muitos pobres. É um mundo desigual. E isto será sempre por culpa dos mais ricos. Assistimos a cenas terríveis como as de Lampedusa

 

Sente-se realizado humana e profissionalmente?

Sim. Extremamente satisfeito com a vida, que me deu muito mais que aquilo que pensava que viria a ter. Isso deve-se à minha profissão, à sorte e à minha mulher e aos meus filhos

 

Como se resolve a crise?

É a primeira vez que vejo uma geração a viver pior que a anterior e se não se tomarem medidas isto irá ser ainda pior. Ou não pagamos, ou renegociamos a dívida que me parece ser o mais acertado. Mas nunca em 3 ou 4 anos

 

Deus criou o Homem, ou foi o Homem quem criou Deus?

Não sei se existe Deus. Não vejo o Deus na terra nem em lado nenhum

 

Se pudesse voltar atrás o que mudaria na sua vida?

Gosto muito de estar vivo, mas se não tivesse a farmácia que me deu tudo o que tenho gostava de experimentar outro modo de vida. Gostei muito de ter sido professor de matemática e ciências

 

Que faz no presente e que projectos para o futuro?

Sou farmacêutico e proprietário de duas farmácias “Fuzeta” e “Sado”. No futuro tenho que me empenhar mais na gestão e marketing

 

CAIXA DAS PALAVRAS

 

Um destino

Praga

 

Um livro

O padrinho (Mario Puzo)

 

Uma música

Menina das sete saias (Trovante)

 

Um ídolo

J.J. (Jacinto João)

 

Um prato

Coelho à caçador

 

Um conceito

Ética

publicado por Joaquim Gouveia às 00:01

Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10

17

24


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO