Entrevistas de JoaQuim Gouveia

30
Nov 13

 

“SÃO OS HOMENS QUE PROVOCAM A CRISE”

 

Jorge Costa é um dos homens que marcou o movimento associativo setubalense nas últimas décadas do século passado. Foi dirigente do Club Naval da cidade ao longo de vários anos. É natural de Castelo Branco, frequentou o ensiono secundário na Covilhã e começou a trabalhar na antiga CUF do Barreiro. Pensa que o Homem estraga o mundo e provoca as crises. Procura ser o mais humano possível e desfruta, nesta altura, de um tempo de descanso e convívio com família e amigos por estar reformado

 

Como foi a sua infância?

Foi uma infância passada na beira interior. Sou de Castelo Branco, onde fiz a escola primária. Não era mau aluno. Tinha muitos amigos com quem brincava bastante. Assisti ao final da 2ª guerra mundial que me marcou muito. Também a guerra civil de Espanha aconteceu quando era miudo. Um dia um avião alemão foi alvejado na fronteira de Espanha e acabou por aterrar em Castelo Branco. Fui uma das primeiras crianças a chegar ao local para o ver de perto. Aquilo foi mesmo um grande acontecimento

 

O primeiro amor…

Não me recordo bem. Deve ter acontecido quando frequentei a escola secundária na Covilhã

 

E o primeiro emprego…

Foi na antiga CUF do Barreiro, como técnico têxtil

Como é a sua casa? Como a define?

É o local onde me sinto muito bem, com conforto e tranquilidade. É uma casa tradicional, cómoda e sem luxos

 

O que pensa do mundo?

O ser humano é que faz o mundo e infelizmente estamos a estragar uma coisa que é nossa. As coisas más como as guerras, a fome e as desigualdades somos nós que as originamos. O ser humano é uma coisa muito subjetiva e as suas atitudes nem sempre são as mais corretas para com o mundo

 

Sente-se realizado humana e profissionalmente?

Sinto-me. Consegui estudar, trabalhar e participar ativamente na sociedade

 

Como se resolve a crise?

Tem que haver boa vontade dos Homens, porque são eles que provocam a crise, ou seja, mais uma atitude que não favorece o mundo

 

Deus criou o Homem, ou foi o Homem quem criou Deus?

Sou católico e acredito que foi Deus, quem criou o Homem. Não há mundo sem Homem, nem Homem sem mundo

 

Se pudesse voltar atrás o que mudaria na sua vida?

Sinto-me realizado com o que fiz. Acredito que dei o meu melhor em todos os aspetos da minha vida, na casa, no trabalho, no associativismo e nas amizades

 

Que faz no presente e que projectos para o futuro?

Estou reformado e neste momento aproveito o descanso. Passeio e convivo com a minha família e os meus amigos

 

CAIXA DAS PALAVRAS

 

Um destino

Portugal

 

Um livro

Guerra e paz (Leon Tolstói)

 

Uma música

Feelings (Morris Albert)

 

Um ídolo

A minha mãe

 

Um prato

Sardinhas assadas

 

Um conceito

Procurar ser humano o mais possível

publicado por Joaquim Gouveia às 05:25

Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10

17

24


arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO